PSICOSSOMA: O CORPO ASTRAL

PSICOSSOMA: O CORPO ASTRAL

Psicossoma, alma, corpo psíquico, corpo espiritual ou corpo emocional. Temos, dentro do que se conhece, vários corpos de manifestação e o PSICOSSOMA é apenas um deles. Este costuma ser uma duplicata do corpo físico, podendo sofrer alterações. Manifesta-se numa dimensão mais sutil que a dimensão física.

Cada veículo de manifestação da consciência apresenta uma freqüência natural de vibração, e o PSICOSSOMA, que está dentro do corpo humano, quando tem a sua freqüência aumentada atingindo sua vibração natural, se liberta das vibrações do organismo denso, ocorrendo a projeção da consciência. Aí ocorre um processo de ressonância bem conhecido pela física causando o desencaixe dos corpos.

“No estado de vigília física ordinária, sendo o corpo absolutamente real para a consciência, esta não se conscientiza do PSICOSSOMA, fenômeno semelhante acontece quando a consciência no psicossoma, também absolutamente real quando projetada no plano extrafísico, não percebe a existência do corpo humano, a ser no caso da visão do corpo humano à frente em momento de lucidez”.

Em palavras mais simples, quando estamos no corpo em nosso dia-a-dia, não nos damos conta do psicossoma,mas apenas de nosso corpo, pois para nós ele é real. Quando no sono e no respectivo desprendimento do psicossoma (projeção), além de não possuirmos grande lucidez , raramente vemos o corpo inerte na cama, enquanto nos projetamos do psicossoma para outros ambientes. Assim, para nós, o psicossoma é como se fosse nosso corpo e não nos damos conta.

A partir da Mobilização Básica de Energia (1) pode-se conseguir entrar em Estado Vibracional (2). Este Estado Vibracional predispõe a projeção do PSICOSSOMA. Existem exercícios diversos com mantras (3), meditação, visualização criativa, que podem nos ajudar a sair do corpo de forma mais consciente.

O PSICOSSOMA está interligado ao corpo físico através de um cordão energético denominado cordão de prata, que o retorna em segurança após as projeções do mesmo. A capacidade projetiva é a capacidade de distensão do cordão de prata do projetor. Há projetores que só se projetam próximos ao corpo humano, dentro do quarto de dormir, sem jamais se projetarem a ambientes distantes. É provável que sejam pessoas com energia mais densa.

“Dentre as características da anatomia, ou melhor, paraanatomia do PSICOSSOMA destacam-se: formato; centros de força; composição; estrutura; luminosidade; aura; peso médio de 70 gramas; volume; massa; densidade etc” (4).

É claro que estas informações são fornecidas por projetores conscientes “craques”.

A maioria dos homens tem autoconsciência do corpo, mas não tem autoconsciência quanto ao psicossoma. Embora todos possuem e usem um PSICOSSOMA, poucos apresentam autoconsciência quanto a este veículo porque não conseguirem controlá-lo corretamente nem funcionam nele, com plena lucidez e desenvoltura, fora do corpo. Mas à medida que formos evoluindo, todos teremos autoconsciência deste veículo, assim como tomamos consciência que existimos.

É bem oportuno destacar que sonho e projeção da consciência são fenômenos bem distintos. Eles só têm duas coisas em comum: nenhum deles (5) foi provado cientificamente e ambos ocorrem durante o sono. Ambos são naturais, sadios e fisiológicos, ou seja, são possibilidades naturais de todo ser humano.
Os mal informados costumam dizer que é perigoso a projeção e que espíritos ruins podem cortar o cordão de prata (6). Entretanto, temos nos projetado a vida inteira (apesar de não nos lembrarmos e confundirmos com sonho) e até hoje nada de mal aconteceu.

Diferenças entre sonho e projeção:

Sonho – O sonho contém imagens oníricas criadas pelas descargas elétricas dos neurônios, e sobre estes o projetor não tem qualquer controle ou domínio da situação, também se caracterizam pela incoerência e desorganização de eventos todos muito loucos. No sonho somos meros espectadores onde não conseguimos interferir por nossa vontade. O sonho possui uma rememoração fácil.

Projeção – Ao se encontrar realmente projetado (ou fora do corpo) podemos possuir vários estágios ou graus de lucidez. Esta lucidez colabora para que tenhamos mais ou menos controle sobre os eventos a partir de nossa vontade. Supondo-se um bom nível de lucidez extrafísica, temos controle sobre os eventos que se passam durante a projeção. A projeção é um fato, sendo assim, possui lógica, coerência, seqüência organizada onde os fatos se ajustam um após o outro sobre o domínio tranqüilo do projetor. A projeção tem rememoração difícil, pois os eventos ocorrem em outra dimensão, mas as percepções são muito aumentadas.

Benefícios – São amplos os benefícios das projeções mais lúcidas. Podemos aprender fora do corpo, podemos ajudar a outros quitando karma e assim estamos aproveitando um terço do tempo de uma vida (passamos 1/3 da vida dormindo). Constatamos que não existe morte, perdendo o medo dela e tendo uma qualidade de vida melhor. Podemos encontrar parentes e amigos já falecidos e outros de outras vidas anteriores, podemos com um pouco mais de facilidade descobrir nosso passado remoto (vidas anteriores), podemos, com ressalvas, ver vidas futuras (pré-cognição), podemos ajudar os parentes e amigos nos processos de desencarnação (morte mesmo), podemos acessar melhor nossos amparadores ou anjos da guarda, podemos conhecer um novo código de ética superior à moral social humana, chamado de cosmoética ou moral cósmica. Poderemos evoluir melhor, mais rápido e de forma mais feliz.

– Dalton e Andréa –

– Notas:
1. A MBE ou Mobilização Básica de Energia é um exercício que quando feito com intensidade descongestiona, abre e expande todos os chacras do corpo energético também tratado como holochacra (duplo etérico) e consiste em empurrar a energia para cima e para baixo continuamente.
2. O EV ou Estado Vibracional é mais difícil de ser obtido e exige muita prática e força de vontade. É um estado avançado, intenso e sadio das bioenergias que causa bem estar no praticante e “limpa” e protege o ambiente de energias e espíritos negativos. O EV é resultado de uma MBE intensa.
3. Mantras são sons que dispõem de um padrão vibratório capaz de criar uma ressonância para efetuar-se um evento desejado, além de evocar uma egrégora (holopensene) que é uma energia que contém informação (intenção, pensamento, sentimento e ação) gravitante em nosso espaço-tempo planetário ou mesmo outras dimensões.
4. Projeciologia, Panorama das Experiências Fora do Corpo de Waldo Vieira, Editora IIPC.
5. Na verdade, a estatística prova ambos e esta é uma ciência baseada na matemática, mas minha afirmação para os fundamentalistas que não acreditam na projeção que se ela não existe os sonhos também não existem.
6. Fio ou elo energético que interliga o corpo emocional ou psicossoma ao corpo físico.

Se você acha que este texto pode auxiliar alguém espiritualmente compartilhe e divulgue, obrigado!

Gostou desse conteúdo? Queremos saber sua opinião, deixe seu comentário logo abaixo.

Se você acha que este texto pode auxiliar alguém espiritualmente compartilhe e divulgue, obrigado!

Gostou desse conteúdo? Queremos saber sua opinião, responda a pesquisa a seguir e deixe seu comentário logo abaixo. E vote nas estrelinhas bem ao fim.
.

Você já teve experiências fora do corpo?

viagem astral como fazer, projeção astral, viagem astral pdf, viagem astral relatos, projeção da consciência, viagem astral livro,

.

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque – auto intitulado como “Tio Dalton” de forma irreverente, sempre bem humorado e brincalhão. Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e em Educação em Valores Humanos. Manifestou eventos paranormais e mediúnicos desde o berço e foi criado neste meio, pois seu pai e dois irmãos também manifestavam fenômenos parapsíquicos ostensivos. Começou a aprender com o pai (que é médico e Parapsicólogo) Parapsicologia e Hipnose a partir dos 14 anos de idade.
—–
Professor de Informática, espiritualista universalista, médium intuitivo, curioso e espontâneo em desconstruir falácias religiosas, espiritualistas e “New Age’s”.
—–
Curte Rock Progressivo, Rock pesado, música New Age e músicas mais espirituais em geral, adora filmes de ficção científica e ação. Curte eletrônica, áudio, física e matemática.
—–
É simples, irreverente, se denomina “caipira” e “sente muitas saudades de seu planeta”.
—–
O que mais aprecia é escrever, aprender, criar “coisas” novas e originais e organizar conhecimento com tendências mais científicas. Detesta o misticismo exacerbado New Age, o que considera uma desinformação. — -Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)