MINHA VIDA NA OUTRA VIDA – MANIKA – SALVO PELA LUZ

MINHA VIDA NA OUTRA VIDA – MANIKA – SALVO PELA LUZ

Pela primeira vez na história, um filme retrata, com fidelidade, lógica e respeito, a reencarnação, tema de interesse de milhões de pessoas em todo o mundo. Baseado em FATOS REAIS relatos no livro autobiográfico de Jenny Cockell, Minha Vida na Outra Vida conta a história de Jenny, uma mulher do interior dos Estados Unidos, que tem visões, sonhos e lembranças de sua última encarnação, como Mary, uma mulher irlandesa que faleceu na década de 30. Intrigada, Jenny sai em busca de seus filhos da vida passada. Tem início uma jornada emocionante. Jenny é magistralmente interpretada pela renomada atriz Jane Seymour, de Em Algum Lugar do Passado. Só, que desta vez, não se trata de ficção, mas de realidade. Muito legal!!!

O filme relata  a História real de Jenny Cockell, americana que começa a se recordar de uma outra vida na Irlanda. Ela desenha detalhadamente a Igreja da época que frequentava na Irlanda, ruas e nomes das pessoas de sua família.

Jenny Cole (Jane Seymour) mora com o marido e filho na América. Ela está grávida e começa a ter sonhos fortes sobre uma pequena cidade que tem uma grande igreja. Jenny fala para a mãe sobre os sonhos e ela mostra alguns desenhos que Jenny fez na infância que são idênticos aos sonhos. Elas descobrem que a cidade ficava na Irlanda na década de 30 e Jenny vai até lá para tentar entender seus sonhos e saber se já viveu lá no passado.

Vai pessoalmente até a Irlanda na cidade de Malahide onde confirma que todas suas lembranças eram reais e pertencentes a uma família que morou naquele local, de Mary Sutton.

E impressionantemente descobre que a maioria dos filhos de Mary estão vivos já idosos e os reúne. Ela se recorda de fatos ocorridos com os filhos de Mary Sutton quando eles ainda eram crianças, o que surpreende a todos.

Lançamento 29 de outubro de 2006 (1h33min)
Dirigido por Marcus Cole
Com Jane Seymour, Clancy Brown, Kyle Howard mais
Gênero Drama
Nacionalidade EUA

É uma lição de amor que traz a lógica da reencarnação de maneira clara e simples. E faz pensar. O livro fez tanto sucesso que foi filmado como longa metragem, homônimo e lançado em diversos países. Pela primeira vez na história, um filme retrata, com fidelidade, lógica e respeito, a reencarnação, tema de interesse de milhões de pessoas em todo o mundo. Jenny é interpretada pela renomada atriz Jane Seymour, de Em Algum Lugar do Passado, que também tratava do tema de vidas passadas. Só, que desta vez, não se trata de ficção, mas de realidade.

Minha Vida em Outra Vida – A extraordinária busca de uma mãe por sua família em outra existência – Jenny Cockell.

Muito mais do que 50% da população mundial acredita na reencarnação. Inclusive muitos fieis de religiões cujas doutrinas pregam o contrário, também acreditam, contrariando a própria doutrina. Essas pessoas, fieis seguidores dessas religiões, embora simpatizem com elas – claro – possuem um sentimento íntimo, uma convicção íntima da reencarnação, por isso contrariam as opiniões e interpretações de seus bispos, padres e pastores, um processo crescente e natural.

Os países do oriente como China e Índia possuem a cultura ancestral e multimilenar da crença na reencarnação e a quantidade de pessoas desses países, poderíamos citar muitos outros – verifique você leitor. Apesar de haver muito mais países e territórios NÃO reencarnacionistas, a maioria da população mundial (em quantidade apenas) é reencarnacionista. No Brasil uma minoria de pessoas é reencarnacionista, mas a crença e a convicção na reencarnação vêm crescendo no mundo todo gradualmente. Muitos doutores e PHDs céticos famosos americanos tem sofrido experiências PSI ou espirituais que os têm virado do avesso e os feito mudar de opinião quanto a crença na reencarnação.

Cada vez mais surgem casos reais e documentações comprobatórias (evidências contundentes) a reforçar o fato da reencarnação. Temos no Brasil o grande pesquisador Hernani Guimarães que foi um dos pioneiros neste lindo trabalho. Temos muitas pesquisas sobre EQM – Experiências de Quase Morte na Europa e EUA que vem progredindo com os novos casos, aparelhos e equipamentos de ponta.

Neste ponto não podemos deixar de citar outros filmes antigos e clássicos baseados em CASOS REAIS:

Manika – História da Reencarnação de Uma Menina na Índia

Manika é uma garota nascida em uma família católica numa vila de pescadores do sul da Índia, que está convencida de ter vivido uma vida passada como esposa de um Brâmane no Nepal. O diretor da paróquia local, Padre Daniel, recebe ordens de convencê-la do contrário, já que a reencarnação não está de acordo com a doutrina católica.

Contudo, ele concorda em embarcar com Manika em uma viagem ao local de sua suposta passada reencarnação. Uma vez lá, eles descobrem que aquilo que era considerado um sonho era a mais pura realidade, e que o antigo marido de Manika havia se casado novamente, apesar da promessa de que não o faria.

A chegada de Manika ao Nepal não perturba o homem, mas deixa muito aborrecida a sua nova esposa, que o abandona levando consigo seu filho.

Manika então se dá conta que a sua estada no Nepal não é benéfica para ninguém, e resolve retornar para sua casa no sul, junto de sua família.

No entanto, todos estes eventos provocaram uma verdadeira crise de fé no padre que testemunhou os impressionantes eventos, e teve que lidar com temas inconciliáveis: a ideia hindu da reencarnação e o dogma católico da ressurreição dos mortos.

Este é um filme muito bonito, que promove nos espectadores o mesmo questionamento experimentado pelo Padre Daniel. A vida após a morte é um tema central na imensa maioria das religiões, pois é um dos maiores mistérios sondados pela alma humana.

Salvo pela Luz

O relato baseado em fatos reais, emocionante e as profundas revelações do homem que viveu a experiência de quase morte – Dannion Brinkley.

A verdadeira história de Dannion Brinkley, um Marine veterano que teve duas experiências de quase-morte. Brinkley, um valentão egocêntrico e grosseiro, está falando ao telefone uma noite durante uma tempestade de relâmpagos quando, num bizarro acontecimento, um raio atinge o poste de linhas telefônicas e passa pelos fios até atingi-lo.

Ele é declarado clinicamente morto, mas miraculosamente se recupera logo depois – com uma personalidade completamente diferente e, alega ele, com a capacidade de se comunicar com os mortos.

Brinkley diz ter vivido uma experiência extraordinária. Ele visitara a pós-morte, encontrara treze anjos e tivera 117 revelações sobre o futuro.

filmes, vídeos, Minha vida na outra vida, espiritismo, reencarnação, caso real, casos reais,

 

Se você acha que este texto pode auxiliar alguém espiritualmente compartilhe e divulgue, obrigado!

Ah, deixe seu comentário, isso pode me ajudar a criar outros conteúdos.
E vote nas estrelinhas bem ao fim.

 

Filme, vídeo, filmes, vídeos, resenhas, sinopses, filmes espiritualistas, filmes espíritas, filmes conscienciais, documentários, documentários espirituais, documentários espiritualistas, pesquisa espiritualista, EQM, Experiência de Quase Morte,

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - auto intitulado como "Tio Dalton" de forma irreverente, sempre bem humorado e brincalhão. Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e em Educação em Valores Humanos. Manifestou eventos paranormais e mediúnicos desde o berço e foi criado neste meio, pois seu pai e dois irmãos também manifestavam fenômenos parapsíquicos ostensivos. Começou a aprender com o pai (que é médico e Parapsicólogo) Parapsicologia e Hipnose a partir dos 14 anos de idade. ----- Professor de Informática, espiritualista universalista, médium intuitivo, curioso e espontâneo em desconstruir falácias religiosas, espiritualistas e "New Age's". ----- Curte Rock Progressivo, Rock pesado, música New Age e músicas mais espirituais em geral, adora filmes de ficção científica e ação. Curte eletrônica, áudio, física e matemática. ----- É simples, irreverente, se denomina "caipira" e "sente muitas saudades de seu planeta". ----- O que mais aprecia é escrever, aprender, criar "coisas" novas e originais e organizar conhecimento com tendências mais científicas. Detesta o misticismo exacerbado New Age, o que considera uma desinformação. --- -Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso.---- "Desvio-me daquilo que não posso aperfeiçoar e me aproximo daquilo que posso. Se não tenho condições de curar meu corpo, tenho condições de curar minha mente e, assim, me libertar para tomar decisões sensatas. Eu escolho o que me preocupa. O pensamento pode ser dirigido tanto para o caos quanto para a quietude. Posso optar por não esboçar infinitamente as “causas” das minhas dificuldades e projetar, no futuro, as suas limitações e agonias. Se não posso evitar que certas pessoas me condenem, posso parar de analisar seus motivos e deixar de defender meus atos. Não importa de quais aspectos eu não goste ou tenha medo, posso interromper minhas desgastantes tentativas de torná-los perfeitos." Hugh Prather - A Arte da Serenidade

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)