POR QUE HÁ MÉDIUNS TÃO BONS E TÃO DESEQUILIBRADOS?

POR QUE HÁ MÉDIUNS TÃO BONS E TÃO DESEQUILIBRADOS?

Talvez porque existam bem poucas pessoas equilibradas em nosso planeta, poucos espiritualistas equilibrados, poucos espíritas equilibrados, poucas pessoas equilibradas na população.

É como eu digo, questão de estatística – o que acontece fora de nosso “mundinho” também acontece dentro, mesmo que nos sintamos melhores, superiores, mais importantes e até equilibrados. O que acontece aqui, acontece lá, o que acontece no sul, estatisticamente é semelhante no norte, assim nas populações do mundo, da geografia e da história, então tenha discernimento e não se isente, você está incluído, ou então, o que você tão evoluído está fazendo neste planeta? Foi engano dos Engenheiros Siderais?

Há heterocríticas que são um verdadeiro desequilíbrio – devolvo a má observação na mesma medida. É fácil ver a unha encravada do outro e não ver o tronco dentro do próprio olho. Falta de autocrítica é falta de discernimento.

Além do mais ser médium não é mesmo fácil, principalmente com mediunidade kármica. Missionários são poucos e estão mais no anonimato tanto do físico como do extrafísico.

Se você se acha muito bom, me mostre os frutos de seu trabalho, muito além de teorias doutrinárias, decorebas, falas eloquentes e das atitudes frias e intelectualóides.

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e também em Educação em Valores Humanos. - Não sou pesquisador da consciência, nem de religiões ou afins, sou apenas um escritor intuído e poeta ingênuo e romântico, médium intuitivo e inspirado, anímico e mediúnico. - Não sou entendido e nem autoridade em nenhum assunto, nem evoluído ou melhor que ninguém, até pelo contrário. - Este site é apenas uma modesta tarefa de redenção consciencial e mais nada, serve para dar vazão o que me surge na mente e que "vaza" pelo coração. Aqui estão "esculpidos" todos os meus defeitos e limitações , sem mais aparências, enfeites ou rótulos, não sou nada e nem sei de nada. Sou o "Tio Dalton" de forma irreverente, bem humorado e brincalhão. Curto rock progressivo, rock pesado, música new age e músicas mais espirituais em geral, adoro filmes de ficção científica e ação, curto eletrônica, áudio, física e matemática, tomo muito café, como carne, estou negligente na leitura e na meditação além de muito preguiçoso. Sou simples, irreverente, caipira e "sinto muitas saudades do meu planeta". MEU SONHO É UNIR AS PESSOAS NUM ÚNICO PROPÓSITO DE EVOLUÇÃO CONSCIENCIAL e a transcender as vaidades pessoais e egoísmos materiais; (utopia factível se não fosse a "babaquice" das pessoas). - "Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso". ------------- DEIXE UM COMENTÁRIO EDUCADO, ELEGANTE E BEM ESCRITO, MOTIVE-NOS!! Não abuse, os comentários são moderados.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)