CHAMAMENTO A ESPIRITUALIDADE

CHAMAMENTO A ESPIRITUALIDADE

É com alegria que recebemos nossos irmãos.

Bem, recebemos todos, pois todos são nossos irmãos.

Os mais bem recebidos serão aqueles que depois de uma jornada de desacertos e dores, desejam voltar a Luz do amparo do Pai. Estes sim, receberão um zelo maior, mas é lógico, não estarão isentos de seus carmas e responsabilidades conscienciais.

Permanecer no mal é fácil, assim como também o é permanecer no bem para quem nele já se compraz, mas o mais difícil é o retorno ao caminho da Luz para aqueles que se encontram nas trevas. Estão fragilizados pelas dores e pela consciência de culpa, e na íngreme escalada para o caminho de volta sofrerão muitas recaídas, até se firmarem sadios no caminho do bem, assim, se se dispuserem com boa vontade, amparo dos anjos é certo que obterão.

Deus não é religioso, o bem e o amor não são doutrina, mas todos precisam de auxílio em sua caminhada evolutiva independente de onde se encontram e como a Luz é universalista, ela não escolhe nem “filhos” e nem “irmãos” para iluminar, ela simplesmente ilumina a todos e não tem culpa daqueles que dela fogem, se escondendo nas sombras de si próprios e na escuridão de suas consciências.

Na jornada de retorno o fardo é pesado. É a inércia inicial do arranque diante de uma subida. Os primeiros passos são trêmulos e inseguros ante lágrimas, autoculpas, vacilações e até desesperos, mas as almas luminosas que não culpam, não cobram e não condenam ninguém estão em volta e por trás dos ombros daqueles que se despojam para esta corajosa empreitada.

É uma pena que os homens sejam tão fracos,não acreditam em Deus! Se dizem que acreditam é da boca para fora, pois não acreditam em suas leis e ante ao menor indício de resistência e obstáculo, sucumbem em gestos fracassados de autocomiseração.

Não é necessário acreditar em Deus, mas é fundamental ter certeza e convicção íntima de justiça cósmica e de que, permanecendo nos gestos íntegros e vida digna por mais que o estigma do carma chicoteie suas costas, para perseverar no caminho do bem, aquele que se propôs a ser um “filho pródigo”.

Lembre-se irmão deserdado, cada chibatada que teu carma lhe ecoa no lombo, dói em toda humanidade, mesmo que ela não se aperceba disto. Mesmo diante das punhaladas cármicas que recebes e que tens a sensação de dor eterna, ela não é senão um átimo de tempo no não tempo da existência.

Mesmo que cada lágrima que banha teu rosto ante as humilhações que lhe impõem as massas, elas valerão no futuro sublimes êxtases de felicidade, daí sim dizer eternas ou para sempre!

Não tema jamais ante as provas da vida!

Não reclames e nem te revoltes.

Elas não são nada além da colheita de suas sementes do passado e que quanto mais se dispuseres a voltar e a melhorar, tanto mais lhe será dado em amparo espiritual e em oportunidades de servir a Deus.

Persevere sempre!

Mesmo que não acredite nos anjos, eles acreditam em você!

Mesmo que não sinta o Alto, o Alto sente você!

Vá, viva e trabalhe e não olhe para trás e nem alimente a semente da autoculpa, transforme-a em trabalho digno em prol do ser humano.

Jamais reclames, apenas agradeça, só você é responsável por sua sorte, mas se desejas realmente boa sorte é preciso acreditar no Alto para que entres em sintonia com Ele.

Não basta existir alguém para doar, é necessário ter alguém para desejar e receber.

Aceites a ajuda do céu.

Bem-vindos ao caminho de retorno ao Pai!

Paz e Luz – 25/08/2002

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - auto intitulado como "Tio Dalton" de forma irreverente, sempre bem humorado e brincalhão. Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e em Educação em Valores Humanos. Manifestou eventos paranormais e mediúnicos desde o berço e foi criado neste meio, pois seu pai e dois irmãos também manifestavam fenômenos parapsíquicos ostensivos. Começou a aprender com o pai (que é médico e Parapsicólogo) Parapsicologia e Hipnose a partir dos 14 anos de idade. ----- Professor de Informática, espiritualista universalista, médium intuitivo, curioso e espontâneo em desconstruir falácias religiosas, espiritualistas e "New Age's". ----- Curte Rock Progressivo, Rock pesado, música New Age e músicas mais espirituais em geral, adora filmes de ficção científica e ação. Curte eletrônica, áudio, física e matemática. ----- É simples, irreverente, se denomina "caipira" e "sente muitas saudades de seu planeta". ----- O que mais aprecia é escrever, aprender, criar "coisas" novas e originais e organizar conhecimento com tendências mais científicas. Detesta o misticismo exacerbado New Age, o que considera uma desinformação. --- -Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)