CARMA COMO MECANISMO EVOLUTIVO

CARMA COMO MECANISMO EVOLUTIVO

Para quitar karma (karma negativo)

Evoluir é quitar karma negativo, que é assistência e é trabalhar pela jornada evolutiva dos outros. Só seremos felizes se formos e nos sentirmos úteis.

Se em um momento não se está feliz devido a algum problema, dizemos que isto é um karma negativo. O karma negativo é uma oportunidade evolutiva.


Assistencialidade

Trabalhar para evoluir é trabalhar para ser feliz. As pessoas mais evoluídas do mundo estão em trabalhos assistenciais. Chico Xavier trabalhou a vida inteira com um processo de esclarecimento e consolação, resignando familiares que perderam seus parentes, distribuição de alimentos, esmola e roupas aos carentes e com o esclarecimento, pois escreveu mais de 400 livros. Este é um campeão de assistência.

Madre Tereza de Calcutá e Irmã Dulce foram campeãs de ajuda aos pobres.

Existem pessoas com karma ao nível de bairro, cidade, estado, país ou mundo. São pessoas que atuam, trabalham para o bem destas comunidades. Podemos dizer, por exemplo, que Chico Xavier tem no mínimo um karma a nível nacional (polikarma), pois seu trabalho e livros são reconhecidos por todos e inclusive outras religiões ao nível de Brasil. Depois de sua morte sabemos que seus livros estão ajudando muitos grupos Espíritas no exterior e talvez o polikarma de Chico seja planetário. Existem líderes comunitários que ajudam seus bairros, podemos dizer que é um karma ao nível de bairro.

Existem consciências evoluídas que estão fora do planeta terra e que são responsáveis pela evolução de um sistema solar inteiro ou até de uma galáxia, mas não importa. Não vamos extrapolar nossa realidade imediata. Para nós valerá entender a evolução desde o mineral até o último e mais evoluído ser deste planeta, supostamente o homem.


Quanto mais evoluído, mais conhecimento,

mais responsabilidade e mais produtividade.

Quanto mais evoluído, mais livre-arbítrio e menos karma negativo.


Querer é poder, o difícil é querer.


Resignação quanto ao karma negativo

Resignação é uma aceitação cordial e positiva aos inevitáveis fatos do karma negativo. É absolutamente necessário se resignar ao karma negativo, porque dele não há como fugir. Nem os amparadores (anjos) ou os [1]Orientadores Evolutivos podem liquidar ou anular o seu karma negativo. O karma negativo é pessoal e intransferível. Ele é o que impulsiona e motiva os seres a evoluir, melhorar e progredir em todos os sentidos: moralmente, intelectualmente, espiritualmente, etc. Vale lembrar: resignação não é inércia, acomodação ou desânimo.


Karma negativo: quanto mais se o adquiriu,

menos se o admite!


Só se aceita o karma negativo depois que superamos a fase mais dolorosa ou se o aceitamos com dignidade. O karma é a lei perfeita da justiça de Deus.


Autoplanejamento Kármico

Muitos casos de sofrimento na vida de diversas pessoas foram planejados com o consentimento dela mesma no plano espiritual (plano extrafísico) antes de nascer no período intermissivo ou programação reencarnatória.

Depois do renascimento em um novo corpo com um novo cérebro, vem o esquecimento. Quando chega a hora do sofrimento, quase todos se esquecem do compromisso adquirido e desejam “correr da raia”.

Às vezes uma vida muito dura foi uma opção da própria pessoa como forma de quitar mais rapidamente seus débitos para que nas próximas vidas tudo se alivie, mas mesmo assim ouvimos lamentos, indignações, revoltas e invejas:

“- Deus foi injusto comigo…” ou “Eu nasci para sofrer”.

Vemos também muitos problemas em família e muita revolta consigo e com os parentes mais próximos: pais, filhos, irmãos, etc. Estas são as consciências mais ingratas, são as que têm mais possibilidade de não quitarem seu karma negativo e ainda contrair mais débitos. Estes novos reencontros indigestos são uma oportunidade de perdão e reatamento. O que não for resolvido agora solicita novo encontro, ou oportunidade para posterior perdão.

Não incentivo o sofrimento ou a autopunição como forma de quitação do karma negativo. O karma negativo se quita com o trabalho útil, produtivo e assistencial às pessoas. É o melhor, mais rápido e menos doloroso caminho para a quitação kármica. O sofrimento é uma perda de tempo e de energia consciencial.

Evolução e Consciência

A vida é uma oportunidade evolutiva, nós aqui viemos para melhorar e consequentemente evoluir. Nós não somos o nosso corpo. Ele é apenas um veículo de manifestação de nossa consciência que se manifesta em outras dimensões também. Isto é ciência, é pura Física sob a ótica do Paradigma Consciencial. O corpo é um veículo temporário. Nós somos o que está atrás de nosso pensamento e nem mesmo o próprio pensamento.

Experiências cirúrgicas, na tentativa de melhoria de estados graves de epilepsia com remoção de grande parte do conteúdo cerebral de diversos pacientes, tanto do hemisfério direito quanto o esquerdo, provam definitivamente que a consciência não tem um local fixo no cérebro para se sediar, donde se conclui que não somos o corpo físico e nem é o cérebro que pensa.

Teste

Feche os olhos, solte seus pensamentos, deixe-os fluir, fique assim por uns 5, 10 ou 15 minutos, não se disperse, não abra os olhos, isole os estímulos externos como luzes e sons. Sinta você. Procure ir de encontro à origem de seus pensamentos. Eles vêm de algum lugar, concorda? Procure encontrar a origem e encontrará você e sentirá uma enorme felicidade e paz de espírito. Assim descobrirá que você não é seu corpo.

Juros e a Correção Monetária

Em pagamento atrasado incidem juros e correção monetária. Esta é uma grande verdade aplicada aos processos da consciência, só que o valor não é mais o dinheiro, agora é o trabalho em prol do ser humano. Os prazos dos contratos continuam valendo e se não cumprirmos haverá multas. Viemos para esta dimensão densa para uma finalidade, se não cumprirmos o contrato (que é sempre conosco mesmo) o “Juiz Cósmico” nos cobrará uma multa. Quem é este Juiz? A nossa consciência.

Ninguém vigia e nem cobra ninguém. O processo kármico é individualíssimo e diz respeito a nossa relação com o Universo. As religiões têm mania de corporificar Deus como se Ele fosse um ser. Deus não é um ser, não é emocional, nem bonzinho, nem vingativo ou punitivo. Deus é esta energia imanente que a tudo permeia, forma, nutre, move, dirige e orienta. Permeia o Universo em todos os seus orbes e dimensões.

Como “filhos de Deus” que somos, também somos Deus, como filhos do Universo, também somos o Universo, por mais que reneguemos isto. Parece um tanto tribal e primitivo pregar e divulgar um deus vingativo, punitivo e emocional que só falta dizer:

_ “Se não jogar no time da minha religião, vai pro inferno para sempre!!!”

Primitivismo

Imagine que você chegou de helicóptero e aterrissou em uma tribo isolada da Amazônia que nunca viu um homem branco ou qualquer outra civilização.

Quando se aproxima em direção da tribo os indígenas se ajoelham e pensam que você é um deus. Depois você volta para casa e eles prosseguem com seus rituais espirituais fazendo oferendas e criando ideias primitivas de como e porque deus os visitou. Se alguma coisa der errado em sua tribo posteriormente eles poderão se sentir abandonados por deus, ou imaginar que este esteja zangado com eles por alguma razão. Atualmente mera semelhança não é coincidência.

Espiritualidade é algo fisiológico. Independe de crença, religião ou filosofia. O certo e o errado são pontos de vista relativos, tudo depende dos olhos de quem vê. Em algumas culturas é permitido ao homem ter mais de uma mulher, em outras não.

O esquimó oferece a mulher ao amigo visitante que pernoita em sua casa e para eles é perfeitamente normal. Cada um “puxa a sardinha para o seu churrasco” e diz que está certo.

Se algo está certo para você, seu grupo, sua comunidade ou sua instituição, faça bom proveito de sua verdade, mas não a imponha aos outros, cada um é livre para escolher seus próprios caminhos e tem direito de cometer seus erros. Se Deus (ou o Universo se preferir) o permite, porque nós não permitiremos?

O melhor é sermos ecléticos, ecumênicos, universalistas, sem rótulos, de mente aberta, procurando fugir de definições e conceitos preconcebidos avaliando antes e criando uma opinião depois. Cada ser vivo (se é que existe alguma coisa que não é viva no Universo) ocupa um nicho ou espaço consciencial e devemos respeitá-lo.

Modificando o karma negativo

Comece agradecendo tudo que você é e tudo que você possui. Mesmo que não seja sincero inicialmente, comece. A sinceridade virá depois desde que estejas com intenção de melhorar. Agradeça a Deus todo dia e quanto mais, melhor. Ao invés de ficar devaneando quando caminha para o trabalho ou no ônibus, ore intensamente. Evite orações decoradas, prefira somente aquelas que você cria espontaneamente. Não precisa ser aquelas orações lindas, basta que sejam sinceras. Coloque coração naquilo que faz.

Eu lhe faço um desafio construtivo como sua felicidade aumentará em proporção à quantidade e sinceridade e gratidão que carregar em seus agradecimentos e orações.

Se você tem falta de inspiração, vamos ajudá-lo. Agradeça a todos os itens, mesmo que você não os possua, pois você os atrairá lentamente.

Obrigado Deus:

  • Pelo que sou!
  • Por minha saúde!
  • Por minha inteligência!
  • Por minha casa!
  • Por minha família!
  • Por meu alimento!
  • Por minha roupa!
  • Por meu trabalho!
  • Por meus amigos!
  • Por todos os meus bens!
  • Por minha vida!
  • Por minha paz, amor e alegria de viver!

Quando puder, pronuncie esta mentalização em voz alta e se possível duas vezes ao dia. Será ótimo. Coloque sentimento. Agradeça como se já tivesse adquirido tudo. Imagine Deus como uma Luz sem forma que entra em seu ambiente e que o ilumina. Sua vida mudará! Se quiser aumentar um pouco a lista de gratidão não será má ideia.

Este método na verdade é um conjunto de técnicas. Não é apenas uma oração que você repete as palavras sem pensar. Insisto, leia com sentimento, acreditando que o que você está agradecendo já possui com abundância.

Está técnica é:

  1. Uma mentalização – procure visualizar em detalhes e cores;
  2. Uma técnica neolinguística chamada “Memória do Futuro” – exige persistência e determinação;
  3. É também uma oração – aplique sentimento.

Se você é um cético e sem fé, então entenda como uma simples técnica (o que é verdade). Se você é um indivíduo repleto de fé veja como uma oração.

Se você não acredita nesta técnica, então não acredita em nada, pois não acredita em você. Quem não acredita em si está fadado ao fracasso em todas as situações da vida. Esta é uma técnica comprovada pela ciência, pelas religiões e pelas escolas esotéricas.

Lembramos que não existe nenhuma técnica baseada na preguiça. Uma muito utilizada é a de jogar na loteria, aquela de apostar, deitar-se e esperar para ver. As probabilidades de você vencer na técnica que propomos é muito maior, coerente e sólida.

O horário ideal é antes de se deitar no quarto e em trajes de dormir para se sentir mais relaxado. Se houver possibilidades repita ao se levantar e assim estará fazendo duas vezes ao dia e obterá resultados mais rápidos. Os horários próximos ao deitar-se e levantar-se são mais propícios por estarmos mais em estado mental alfa, um estado mais relaxado e propício às mentalizações.

[1] Orientadores Evolutivos podem ser chamados de Mestres Ascensionados, Mentores, Super amparadores, etc.

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - auto intitulado como "Tio Dalton" de forma irreverente, sempre bem humorado e brincalhão. Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e em Educação em Valores Humanos. Manifestou eventos paranormais e mediúnicos desde o berço e foi criado neste meio, pois seu pai e dois irmãos também manifestavam fenômenos parapsíquicos ostensivos. Começou a aprender com o pai (que é médico e Parapsicólogo) Parapsicologia e Hipnose a partir dos 14 anos de idade. ----- Professor de Informática, espiritualista universalista, médium intuitivo, curioso e espontâneo em desconstruir falácias religiosas, espiritualistas e "New Age's". ----- Curte Rock Progressivo, Rock pesado, música New Age e músicas mais espirituais em geral, adora filmes de ficção científica e ação. Curte eletrônica, áudio, física e matemática. ----- É simples, irreverente, se denomina "caipira" e "sente muitas saudades de seu planeta". ----- O que mais aprecia é escrever, aprender, criar "coisas" novas e originais e organizar conhecimento com tendências mais científicas. Detesta o misticismo exacerbado New Age, o que considera uma desinformação. --- -Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)