Sanat Khum Maat

Ele é um amparador ligado às iniciações do Antigo Egito e da Antiga Índia. Por isso, sua abordagem é uma mescla dessas duas linhas espiritualistas. Seu nome é um mantra: “Sanat” (do sânscrito): é um dos nomes de Brahma, o Criador; – “Khum” (Antigo Egito): é o mesmo que “alma do mundo” ou “espaço primordial de onde surge a vida”. Também é um dos nomes do deus Ammon. – “Maat” (do Antigo Egito): “a deusa da justiça na cosmogonia egípcia”. Algumas pessoas confundiram-no com Sanat Kumara. Pelo exposto no tópico anterior, fica bem clara a diferença. Ele é um amparador especializado em projeção da consciência e assistência espiritual. Ele aparece vestindo uma túnica azul-marinho e de turbante, onde está incrustada uma bela joia azul-esverdeada. Sua expressão de ideias porta aquela atmosfera majestosa dos templos espirituais sérios da antiguidade. – Fonte: ippb.org.br – professor Wagner Borges

O que você achou?
« Back to Glossary Index

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - auto intitulado como "Tio Dalton" de forma irreverente, sempre bem humorado e brincalhão. Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e em Educação em Valores Humanos. Manifestou eventos paranormais e mediúnicos desde o berço e foi criado neste meio, pois seu pai e dois irmãos também manifestavam fenômenos parapsíquicos ostensivos. Começou a aprender com o pai (que é médico e Parapsicólogo) Parapsicologia e Hipnose a partir dos 14 anos de idade. ----- Professor de Informática, espiritualista universalista, médium intuitivo, curioso e espontâneo em desconstruir falácias religiosas, espiritualistas e "New Age's". ----- Curte Rock Progressivo, Rock pesado, música New Age e músicas mais espirituais em geral, adora filmes de ficção científica e ação. Curte eletrônica, áudio, física e matemática. ----- É simples, irreverente, se denomina "caipira" e "sente muitas saudades de seu planeta". ----- O que mais aprecia é escrever, aprender, criar "coisas" novas e originais e organizar conhecimento com tendências mais científicas. Detesta o misticismo exacerbado New Age, o que considera uma desinformação. --- -Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)