DO PONTO DE VISTA CONSCIENCIAL ONDE VOCÊ SE ENCAIXA?

DO PONTO DE VISTA CONSCIENCIAL ONDE VOCÊ SE ENCAIXA?

É muito curiosa a vida. Não sabemos por que existimos, não sabemos como, porque e de onde surgimos e nem para onde iremos exatamente. Não sabemos quantas encarnações tivemos ou ainda iremos ter.

Onde estaremos após centenas ou milhares de reencarnações quando já tivermos alcançado um nível evolutivo superavançado?

Sabemos que existimos e que existe uma “Lei Natural” justa, perfeita, impecável, forte, inteligente que a tudo rege independente da lei do homem, lei social e humana – é a Consciencioética ou Moral Cósmica ou Código de Ética Espiritual, Ética dos Espíritos Evoluídos, Lei do Karma, única lei válida para todo e qualquer recanto do Universo.

Em nosso inconsciente mais íntimo temos este código subjacente. É paradoxal e difícil de entender que de alguma forma inconsciente sabemos da Consciencioética e que seus códigos estão implícitos e embutidos em nossa mente e que de fora, no lado que chamamos de consciente, esquecemos dela e a desafiamos adquirindo karma negativo. O karma é o mecanismo automático corretor, reequilibrador de nossos desmandos e deslizes.

Quanto mais evoluído o ser, mais consciência ele tem da consciencioética, assim, mais a respeita e consequentemente mais se limita dentro dela.


Em qual das duas colunas você se enquadra mais?

Quanto mais evoluído, mais …           Quanto mais atrasado, mais…

Assistencial ……………………………………………………………………………. Egoísta

Calmo ……………………………………………………………………………….. Agressivo

Perdoador ………………………………………………………………………….. Vingativo

Sereno ………………………………………………………………………………….. Irritado

Inteligente …………………………………………………………………………….. Néscio

Lúcido …………………………………………………………………………….. Robotizado

Líder……………………………………………………………………………………. Liderado

Humilde …………………………………………………………………………… Arrogante

Simplista…………………………………………………………………………….. Simplório

Seguro ………………………………………………………………………………… Inseguro

Modesto………………………………………………………………………….. Humilhado

Trabalhador…………………………………………………………………….. Preguiçoso

Produtivo………………………………………………………………………. Improdutivo

Organizado………………………………………………………………… Desorganizado

Melhor aproveita o tempo……………………………….. Desperdiça o tempo

Mais educado………………………………………………………….. Menos educado

Mais simpático…………………………………………………………. Mais antipático

Mais compreensivo………………………………………… Menos compreensivo

Mais tolerante………………………………………………………… Mais intolerante

Mais elogiado………………………………………………………… Mais reclamador

Mais amor ao mundo…………………………… Mais amor à família nuclear

Mais se doa…………………………………………………………… Mais pede para si

Mais vive dentro da consciencioética…………… Mais vive fora da ética

Bom humor……………………………………………………………………. Mau humor

Mais saudável……………………………………………………………….. Mais viciado

Mais flexível…………………………………………………………………. Mais fanático

 

 

 

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - auto intitulado como "Tio Dalton" de forma irreverente, sempre bem humorado e brincalhão. Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e em Educação em Valores Humanos. Manifestou eventos paranormais e mediúnicos desde o berço e foi criado neste meio, pois seu pai e dois irmãos também manifestavam fenômenos parapsíquicos ostensivos. Começou a aprender com o pai (que é médico e Parapsicólogo) Parapsicologia e Hipnose a partir dos 14 anos de idade. ----- Professor de Informática, espiritualista universalista, médium intuitivo, curioso e espontâneo em desconstruir falácias religiosas, espiritualistas e "New Age's". ----- Curte Rock Progressivo, Rock pesado, música New Age e músicas mais espirituais em geral, adora filmes de ficção científica e ação. Curte eletrônica, áudio, física e matemática. ----- É simples, irreverente, se denomina "caipira" e "sente muitas saudades de seu planeta". ----- O que mais aprecia é escrever, aprender, criar "coisas" novas e originais e organizar conhecimento com tendências mais científicas. Detesta o misticismo exacerbado New Age, o que considera uma desinformação. --- -Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)