AUTOCONHECIMENTO

Do ser “forte” e arrogante dos umbrais Tornou-se suave e arrependido ante o mal Das cinzas quentes que sopravam vendavais Tornou-se brisa acolhedora e fraternal De uivos e gemidos solitários Tornou-se melancólico e reflexivo Do fogo que vomitava o seu hálito Tornou-se amável, modesto e pensativo Do desespero alucinante e descuidado A acolhida entre abraços […]

Leia Mais

A CHUVA E O SER CONSIGO

Por espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo   Porque será que as pessoas não gostam da chuva? Principalmente nos feriados e domingos. A chuva traz paz para quem tem paz, reflexão para quem tem coragem e prazer em ouvir os próprios pensamentos. É fácil e costumeiro procurar e vivenciar o efêmero no exterior, […]

Leia Mais

A VIDA QUE LIBERTA

Por Espíritos da Fraternidade da Cruz e do Triângulo   Quando o mal aperta, a dor refresca a memória deslocada de um passado obscuro, perdido nos inconscientes humanos. O sofrimento vem abrupto ou de mansinho e envolve o ser que antes sorria desavisado numa vida de valores amorais.   A dor não perdoa feios, nem […]

Leia Mais

CONVITE A REFLEXÃO

Escolha uma noite e deite-se mais cedo. Desligue a TV, ligue o som em volume baixo e coloque alguma música lenta que lhe seja bem agradável. Feche bem a porta, fique só e peça para não ser incomodado. Se desejar, apague a luz e ligue o abajur. Encoste-se na cama e reflita um pouco. Pense […]

Leia Mais

O VAZIO DAS FORMAS

Os homens amam as formas; Formas curvas, formas retas; Formas planas e angulares; Abstratas ou concretas; Sentimentos seculares.   Formas belas são amadas; Formas “feias” repelidas; As formas são bem lavradas; Para assim serem vendidas.   Formas decoração; Formas de um ambiente; Formas de um salão; Formas a gente não sente; Formas de um corpo […]

Leia Mais