QUAL O TIPO DE SEU OBSESSOR

QUAL O TIPO DE SEU OBSESSOR

Este texto estou escrevendo para mim mesmo, mas serve para todos.

obsessores (ou assediadores) para todos os gostos, tipos, jeitos, estilos e opções. Os obsessores a que nos referimos, geralmente, são os desencarnados, os espíritos, os encostos, os que ficam colados nas nossas auras, sugando nossas energias (vampiros também), incitando pensamentos, sentimentos e atitudes negativas, com cunha mental incisiva. No entanto, os obsessores são muitos de nós (hoje, aqui e agora), os encarnados também! Porque só é obsessor lá no astral / espiritual / extrafísico, quem já era por aqui, e é o mesmo, é igual, apenas sem o corpo físico, compreende?

A rigor todos nós somos um pouco obsessores e um pouco amparadores. Há sempre situações e contextos que fazemos o bem, elogiamos, incentivamos e há situações que somos ruins, maus, cínicos, críticos, debochados, julgadores e capazes de prejudicar, explorar, mentir, roubar e matar sim. Somos anjos e monstros, temos que aprender a nos conhecer e admitir isto para crescermos espiritualmente. Se você tiver  autoconhecimento saberá quais são os tipos gerais de seus piores obsessores, dos quais ninguém, REPITO, NINGUÉM, escapa.

Com o misticismo e espiritualismo da internet, muita gente ainda não compreendeu como se dá tal processo, o principal problema da humanidade é a auto-obsessão, ou seja, nós mesmos nos obsidiamos, nossos egos, nosso lado ruim, atrai, chama, provoca o semelhante, o obsessor semelhante reforçando tal sentimento ruim. É a Lei dos Semelhantes, atraímos os encarnados e desencarnados afins a nossos pensamentos, sentimentos e energias.

Você saiba que:

Há obsessor que gosta de incenso, há os que gostam de cristal, há os que gostam e dominam bem o EVEstado Vibracional, há os intelectuais, há os que gostam de emoções densas, de brigas, de machismo, de humilhação moral, de drogas, de sexo, de fofoca, há os que adoram jogar praga, maldição (agora também existe praga quântica, maldição quântica, etc), há obsessores fanáticos religiosos (portanto são obsessores religiosos de todas as opções), há obsessores que sabem técnicas energéticas avançadas, psicologia profunda, há obsessores que são reclamões, há os comediantes e engraçados, há obsessores vitimizados e coitadinhos, há os sabem tudo (sabidões), há obsessores sérios, ortodoxos e severos, enfim, há de todos os jeitos.

Há obsessores para todas as linhas evolutivas, linhas de pensamentos, filosofias, religiões, doutrinas, holopensenes, místicos e espiritualistas. Há obsessores teosóficos, gnósticos, conscienciológicos, rosacruzes, ateus, céticos, crentes, negadores, indecisos, new age, nova era, de todas as formas e jeitos, assim como varia toda a humanidade e seus egos infinitos.

Tem ingenuidade para todos os jeitos

Tem ingenuidade para todos os jeitos, como acreditar que existe simpatia que afaste obsessores, que cristal ou incenso afastam obsessores, grande ignorância, pois nem mesmo as orações e mantras, podem não adiantar se NÃO forem de coração e com profunda vontade e concentração. Terços, rezas, mantras, orações mecânicas, repetidas, da boca para fora também não adiantam nada, até atraem “obsessores rezadores cínicos” que ficam “orando junto” e alimentando seu vazio mental da oração sem sentimento elevado e sem sintonia espiritual qualificada.

Há quem acredite que imagens, altares, perfumes, plantas, flores, símbolos, desenhos, gráficos, sal grosso, incenso, simpatia, rituais, afastem obsessores, olho gordo e inveja, mas na verdade não.

Se nosso jeito íntimo, nosso pensar, sentir e agir, é errado, distorcido, é sem ética, sem cosmoética, então não importa o que façamos, estaremos atraindo os obsessores muito mais que os afastando. Temos que investir e estimular o anjo que temos dentro de nós, a começar a sentir gratidão por tudo, pela vida, por tudo que somos e temos, com profundidade, sinceridade, verdade genuína.

Temos que perdoar a todos que nos ofenderam, roubaram e humilharam, para deixá-los nos sentimenstos densos que se encontram, enquanto possamos alçar voo leva nos aro-íris da consciência lúcida, madura e avançada.

Temos que deixar de nos sentir especiais, privilegiados, para nos sentir iguais e irmãos de todos, para ter a dignidade para nos darmos as mãos, nos amarmos sem pieguismo, sem “melosidade”, sem emoções densas, apegadas e chorosas.

Leia Orai e vigiai é bom e necessário, mas não basta. Orai e bioenergizai é bom, mas não basta.

Temos que nos melhorar por dentro, ter ética e cosmoética, não estacionar na vaga de deficientes, não furar a fila, devolver o troco correto, não roubar material da empresa, não estacionar na calçada ou local proibido, não furar o sinal vermelho, não fumar incomodando os outros que não fumam, não trair o parceiro afetivo-sexual, não sermos agressivos e competitivos no trânsito, não querer ter a vaidade de ter muitos amigos virtuais nas redes sociais e seguidores, não achar que ser espiritualista ou religioso de rótulo seja suficiente, não crer que rituais simples ou complicados vão te evoluir sem esforço, não ser ingênuo de acreditar que frequentar uma determinada linha evolutiva te faz mais evoluído, que comprar um curso com iniciação new age faz sua ascensão, não ser estúpido de acreditar que “Deus é fiel”, ou seja, que Ele é seu criado e sua babá e está tomando conta de uma criança imbecil, não achar que Exú ou Orixá, são seus criadinhos também e estão á disposição de um egoísta sem noção, …

Mesmo se você for multibilionário e encher o mundo de hospitais, escolas, creches, ONGs e universidades e construir novas pirâmides do Egito, não vai adianta nada! Bill Gates, dono da Microsoft, um dos sujeitos mais ricos do mundo, já doou milhões de dólares para várias ações benevolentes para a humanidade, mas ele não efetuar a reforma íntima, interior, dentro, self, consciência, não irá ajudar muito. As grandes obras faraônicas de fora são fáceis, mas as grandes-pequenas mudanças íntimas são dificílimas, até porque não as enxergamos. Se as enxergamos, não as aceitamos, se as aceitamos, não agimos, se agimos, nos sabotamos, e assim por diante. Por isso recomendo o curso ONDAS DE TRANSFORMAÇÃO aqui, se você tiver realmente vontade para isto. Se não tiver, nem clique no link, irá desanimar logo.

Leia aqui: Resposta as Trevas

 

 

O que você achou?

Sobre o(a) autor(a)

Dalton Campos Roque - Formado em Engenharia Civil, pós-graduado em Estudos da Consciência com ênfase em Parapsicologia e também em Educação em Valores Humanos. - Não sou pesquisador da consciência, nem de religiões ou afins, sou apenas um escritor intuído e poeta ingênuo e romântico, médium intuitivo e inspirado, anímico e mediúnico. - Não sou entendido e nem autoridade em nenhum assunto, nem evoluído ou melhor que ninguém, até pelo contrário. - Este site é apenas uma modesta tarefa de redenção consciencial e mais nada, serve para dar vazão o que me surge na mente e que "vaza" pelo coração. Aqui estão "esculpidos" todos os meus defeitos e limitações , sem mais aparências, enfeites ou rótulos, não sou nada e nem sei de nada. Sou o "Tio Dalton" de forma irreverente, bem humorado e brincalhão. Curto rock progressivo, rock pesado, música new age e músicas mais espirituais em geral, adoro filmes de ficção científica e ação, curto eletrônica, áudio, física e matemática, tomo muito café, como carne, estou negligente na leitura e na meditação além de muito preguiçoso. Sou simples, irreverente, caipira e "sinto muitas saudades do meu planeta". MEU SONHO É UNIR AS PESSOAS NUM ÚNICO PROPÓSITO DE EVOLUÇÃO CONSCIENCIAL e a transcender as vaidades pessoais e egoísmos materiais; (utopia factível se não fosse a "babaquice" das pessoas). - "Me ame quando eu menos merecer, pois é quando mais preciso". ------------- DEIXE UM COMENTÁRIO EDUCADO, ELEGANTE E BEM ESCRITO, MOTIVE-NOS!! Não abuse, os comentários são moderados.

Deixe um comentário

Comentário (requerido)

You may use these HTML tags and attributes: <a href="" title=""> <abbr title=""> <acronym title=""> <b> <blockquote cite=""> <cite> <code> <del datetime=""> <em> <i> <q cite=""> <s> <strike> <strong>

Nome (requerido)
E-mail (requerido)